Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A Bela e a Crise

por Luísa Braga

A Bela e a Crise

por Luísa Braga

Viver é Conhecer

Por estes dias tenho-me lembrado muitas vezes da viagem que fiz a Barcelona. Sem dúvida, dos melhores destinos europeus (não que eu tenha conhecido muitos!) e daqueles que não desilude a nível de espetativas.

 

Em tempos de crise como os que vivemos, é cada vez mais raro o dinheiro sobrar para viajar e conhecer lugares diferentes. E é por isso que hoje escrevo este post, para verem como viajar pode até ficar bastante económico, se fizermos as escolhas certas.

 

Para isso, vou usar como exemplo um fim-de-semana que passei em Barcelona.

 

A minha primeira dica é que não vão a uma agência de viagens: pagam bem mais do que se organizarem a viagem vocês mesmos. Pelo que vejo, um fim de semana em Barcelona, apenas com voo e estadia fica entre 150€ e 200€ -  atenção aqui, aconselho a organizarem vocês mesmos porque é um fim-de-semana, pois no que diz respeito a férias, isso já pode ser outra conversa!

Fui a Barcelona o ano passado, no mês de Fevereiro. Foi uma das cidades mais bonitas que algum dia pude conhecer! Tanta cultura, tanto movimento, tanta diferença num só local! É daquelas cidades que enche realmente a alma e que, sem dúvida alguma, vale muito a pena visitar!

 

 

 A viagem começou numa sexta-feira, com um voo às 19h e terminou no domingo, com o voo de regresso das 22h.
Pelos bilhetes de avião, pagamos à volta de 30€ (ida e volta), com uma mala de mão cada um. É importante sublinhar que os preços variam muito consoante a época do ano! Podem encontrar bilhetes baratos aqui: http://www.edreams.pt/travel/


Como foi uma viagem de fim-de-semana e como sabíamos que só usaríamos o hotel para dormir e nada mais, optamos por um hotel simples e barato, nada de 4 ou 5 estrelas. O hotel ficava situado em pleno centro da cidade, super perto do metro e dáva-nos acesso às Ramblas, a avenida mais famosa de Barcelona:

 O hotel onde ficámos foi o Lloret Las Ramblas (http://www.hlloret.com/) e págamos à volta de 55€ por noite por um quarto duplo com pequeno-almoço. O hotel tinha as melhores das condições e o staff foi sempre muito simpático e disponível. Uma dica: não reservem o hotel no booking. Na maioria das vezes, se reservarem diretamente no site do hotel, poupam entre 5€ a 10€ por pessoa! O booking é bom para vos ajudar a escolher o hotel, mas não reservem por lá (:

A nível de transporte, usámos o metro durante todo o fim de semana: compramos um bilhete que nos permitia a aceder a todos os transportes públicos da cidade, pagando 15€ por dois dias. Mesmo quando viemos embora, usamos o metro que dá acesso ao aeroporto. Um conselho que vos dou, é que andem sempre com a mochila à vossa frente. Barcelona é uma cidade fantástica, mas cheia de ladrões, principalmente no metro. Tenham sempre muito cuidado! O metro transportou-nos durante todo o fim de semana por toda a cidade, se bem que dois dias não chegaram nem para ver metade!

 

Se tiverem oportunidade e puderem, tentem usar os autocarros turísticos, que vos permitem ver realmente TODA a cidade, sendo que cada bilhete diário custa cerca de 35€, fica sempre um bocadinho fora do orçamento.

 

No que diz respeito a comida, não vou mentir. O único dia em que comi bem foi no sábado ao almoço, quando fomos ao Parc Guell e almoçamos num pequeno restaurante nos arredores: comemos a famosa paella, sendo que pagamos 25€ por uma terrina minúscula. É melhor que contem que a comida lá não é da melhor e é muito cara. O meu conselho é que não se metam no primeiro restaurante que encontrarem. Procurem bem e informem-se antes de entrarem e não vão aos restaurantes que estão perto das atrações turísticas, esses são SEMPRE os piores.

 

Como vêem, tudo depende das nossas escolhas e acreditem que podem fazer uma viagem como esta facilmente, sem precisarem de ir a uma agência, ora vejam: neste orçamento que apresentei, gastei à volta de 200€ (eu e o meu namorado) e que tenhamos gasto à volta de 100€ em comida (que não foi tanto), a viagem ficou por 300€, quando numa agência, 300€ é o que pagam quase por uma pessoa - e a agência apenas inclui os voos e a estadia!

Arrisquem! Não é difícil, juro. E, como sempre me disseram, quem tem boca vai a Roma! Quando eu e o meu namorado chegámos a Barcelona, não fazíamos ideia de como funcionava o metro, mas arranjamos um mapa e perguntámos a um segurança que lá estava. Ele, muito simpático, explicou-nos como tinhamos de fazer e lá fomos nós, à descoberta de Barcelona!

Ah, mais um conselho! Façam um plano dos sítios que querem visitar antes de fazer a viagem. Ajuda sempre a estabelecer prioridades e a preencher o vosso tempo da melhor forma.

 

 Agora, basta escolherem o vosso destino e... boa viagem!



Beijinho, Lu*